Flauta Transversal – Estilo Zen – 4 furos F (Fá)

    1 avaliação
    5.00 out of 5

    R$ 150.00

    Calcular Frete CFPP
    Forma de envioCusto estimadoEntrega estimada

    A Flauta Transversal Estilo Zen, segue o conceito das antigas flautas de bambu do Oriente, com diferencial da escala de quatro furos inspirada na sonoridade da música Asiática. Ideal para improvisos na criação de melodias simples de sonoridade suave e meditativa. Entre na atmosfera transcendental da música asiática. O poder desta flauta de tom médio em Fá está na facilidade de aprender, improvisar  e alcançar oitavas, deixando sua imaginação viajar por paisagens sonoras de relaxamento e meditação.

    Nossas flautas são criadas de forma artesanal com amor e dedicação. As fotos que vocês estão vendo no site servem de referência para você encomendar sua nova flauta. Faremos o possível para que sua encomenda fique o mais fiel possível à foto, porém cada bambu tem um toque especial, as cores dos fios, pintura personalizada podem ter pequenas variações. Trabalhamos com o Bambu que é um material vivo, orgânico, portanto a afinação é sensível a temperatura e umidade. Fazemos a afinação em duas etapas para ter certeza que fique o melhor possível e testamos as oitavas. A primeira afinação é a quente e depois o ajuste fino a frio. Antes de enviar a flauta nós gravamos um vídeo para aprovação. O prazo de produção é de 15 a 30 dias a partir da confirmação do pagamento.

    • Não deixar exposta ao sol, guardar sempre em local seco longe da umidade e calor.
    • Não deixar cair no chão ou bater as pontas.
    • A cada 3 meses passar óleo vegetal no interior da flauta (amêndoa, linhaça, gergelim, azeite, tungue…). Se o local for muito úmido ou muito seco, passe óleo uma vez ao mês.
    • Não passar produto de limpeza, alvejantes ou óleos na parte externa, apenas pano seco ou levemente umedecido com água.

    A afinação pode variar em função da umidade e temperatura. Seque bem a boca ao soprar, procure não salivar. Procure fazer a digitação da escala devagar no início do grave para o agudo e do agudo para o grave até sentir segurança para fazer cada vez mais rápido, sinta sua respiração e ritmo interno, sopre uma nota de cada vez e busque o melhor intervalo na passagem das notas. O movimento de digitação da escala é linear, ao fazer a escala do grave para o agudo, (com todos os furos fechados) levanta-se um dedo de cada vez e mantém para não cobrir o furo.

    Do NOT follow this link or you will be banned from the site!
    WhatsApp